Classe Executiva 728x90

         

Tallinn, uma fortaleza de portas abertas

Se Budapeste e Praga foram descobertas no início dos anos 2000 pelos turistas brasileiros, que ainda hoje lotam suas ruas, a mais nova promessa para quem parte do Brasil para o Leste Europeu é Tallinn. A capital da Estônia, dominada durante anos pela União Soviética, tenta se desvencilhar de vez da opressora sombra socialista de um passado recente, abraçando o turista que chega de todas as partes do mundo, sendo os brasucas, um dos mais esperados. A fama de turista que mais compra no mundo e que mais pernoita nos destinos já chegou ao Báltico.

Um dos grandes desafios para atrair turistas de outros continentes está sendo superado: chegar à cidade. Localizada no golfo da Finlândia, a 80 quilômetros ao Sul de Helsinque, Tallinn até então era para quem gosta de bater perna Europa adentro. Para apreciar a arquitetura da cidade medieval mais conservada da Europa era preciso voar até alguma metrópole europeia, como Frankfurt, fazer conexão em outra escandinava, como Copenhague ou Helsinque, e dessas cidades optar por atravessar o Báltico de avião ou de balsa. A TAP inaugura no próximo mês um voo direto entre Lisboa e Tallinn, (leia nesta página), que abre, apesar da duração de 5 horas, maior comodidade e rapidez na chegada ao destino, inclusive para quem parte de Campinas, nos voos diretos do Aeroporto de Viracopos à capital portuguesa.

 

A pequena cidade tem pouco mais de 400 mil habitantes. É um destino para ser conhecido a pé e por um tipo de turista que aprecia história. Caminhar por suas ruas de pedras é literalmente deparar-se com história a céu aberto. O segredo de tamanha preservação são as estruturas defensivas da cidade, que a livraram de ataques, principalmente durante as duas guerras mundiais. A arquitetura, predominante de pedra, contribuiu também para minimizar danos causados por grandes incêndios. E foi o sucesso da preservação da cidade medial que fez a velha Tallinn ser considerada pela Unesco como Herança Cultural Mundial. A capital da Estônia também é conhecida como a Pérola Medieval da Europa.
Mas Tallinn não é apenas para contemplar o ancestral. Apesar de pequenina, a cidade tem uma marcante vida cultural e gastronômica, com uma agenda de variados eventos e restaurantes requintados com direito a menus exclusivos, assinados por renomados chefs europeus.

Pela cidade medieval
Separe o dia inteiro para passear. Quem não gosta de caminhar, pode optar por alugar ou tomar um táxi-bicicleta. Visitar Tallinn de carro ou de van, ou ainda em ônibus turístico, é perder muito do que de mais bonito e interessante a cidade tem a oferecer. Apesar de ter se modernizado e dos arranha-céus dominarem o horizonte, Tallin pode ser percorrida quase que exatamente como foi na era medieval. Para ter a sensação de voltar no tempo, basta seguir a rota da muralha que circundava a cidade com suas 26 torres (só restaram duas). Na rua Müürivahe, próxima aos portões de Viru, um pedaço da muralha pode ser visto em sua forma original.

O passeio deve começar pela praça da Prefeitura (Raekoja plats).Ela permanece como o centro social, lugar que durante o Verão é especial para tomar café e assistir a concertos. Atravessando a praça fica Raeapteek, a mais antiga farmácia da Europa em funcionamento. Além de ter preservado parte de sua história, onde é possível ver remédios e instrumentos utilizados no passado, o estabelecimento conta também com uma área modernizada, local onde o público é atendido como em qualquer farmácia de rua.

A praça da Prefeitura, em Tallinn

O tour das igrejas é um dos itens obrigatórios de quem vista a cidade. A igreja batista de St. Olaf até o século XVI foi o mais alto edifício do mundo, com 159 metros. A igreja de St. Nicholas, dedicada aos pescadores e marinheiros, foi transformada em museu e sala de concertos. A catedral ortodoxa de Aleksand Nevskyl é recoberta de ouro e muito luxo. No caminho fica o castelo Toompea, sede do governo onde estão o parlamento e a casa Stenbock, local de trabalho do primeiro ministro. Mais adiante, um mirador oferece uma privilegiada visão de Tallinn, com suas construções medievais mescladas com a parte moderna.

Outros Posts
VÍDEOS E REDES SOCIAIS
Assista ao Programa Eu Por Aí e se inscreva no nosso canal no YouTube

Curta nossa página no Facebook
Curta nosso perfil no Instagram


Eduardo Gregori

Eduardo Gregori é jornalista profissional especializado em turismo. Eduardo Gregori is a professional tourism journalist

Leia Também