Destinos mais acessíveis no primeiro semestre


Usuários do aplicativo Voopter que buscaram os melhores preços para passagens aéreas nacionais durante o primeiro semestre de 2017 encontraram nas capitais São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Curitiba (PR) e Belo Horizonte (MG) as melhores ofertas, em média. Para a capital paulista, o preço médio de um bilhete foi de R$ 645, sendo que houve ocasiões em que foi possível voar para São Paulo por R$ 120. O levantamento feito pelo Voopter Data levou em conta as pesquisas dos usuários do comparador de preços de passagens aéreas entre 1º de janeiro e 14 de julho.

Por outro lado, as cidades para onde viajar de avião exigiu mais poder aquisitivo dos passageiros durante o mesmo período foram Rio Branco (AC), Vitória da Conquista (BA), Fernando de Noronha (PE), Natal (RN) e Macapá (AP). Embora os preços dependam de variáveis, como origem, data da viagem e antecedência, os destinos acima foram os que tiveram as médias de preço mais altas.

Seguindo a mesma linha, os preços também estavam mais altos para quem buscou passagens aéreas para Bangkok, na Tailândia, Sydney, na Austrália, Pequim, na China, Tóquio, no Japão, e Cidade do Cabo, na África do Sul. As sul-americanas Montevidéu, no Uruguai, Buenos Aires, na Argentina, e Santiago, no Chile, foram as cidades para onde voar foi mais barato neste semestre, com médias de preço de R$ 1.002, R$ 1.157 e R$ 1.422, respectivamente. Miami e Nova York, nos Estados Unidos, completam a lista dos destinos internacionais mais em conta.

Outros Posts

Lisboa supera Buenos Aires nas buscas de viajantes

Lisboa

Um estudo elaborado pelo Voopter Data, ferramenta de extração de dados baseados nas pesquisas dos usuários no aplicativo, site e parceiros do buscador Voopter, revelou que Lisboa, em Portugal, foi o destino internacional mais buscado dentre as mais de 5 milhões de pesquisas entre janeiro e julho de 2017. Foram 76.177 pesquisas sobre a capital lusitana contra 75.810 para Buenos Aires, na Argentina, e 64 mil para Santiago, no Chile. O top 10 ainda inclui Paris, Miami, Nova York, Madri, Montevidéu, Roma e Londres.

A tendência é reforçada por um levantamento do Instituto Nacional de Estatística (INE) português, que revela que no primeiro quadrimestre de 2017, houve um aumento de 67% no número de turistas brasileiros em Portugal.

Embora seja conhecida por oferecer uma experiência incrível e financeiramente viável aos turistas, a cidade campeã de pesquisas para o exterior mostra números muito abaixo dos destinos nacionais. Florianópolis, décima colocada no ranking de destinos brasileiros mais buscados, soma 137.524 pesquisas, número 80% maior do que o registrado internacionalmente. A capital paulista, que continua liderando a lista de destinos nacionais mais buscados, conta com 458.529 pesquisas registradas. As outras cidades brasileiras mais buscadas no primeiro semestre do ano são Rio de Janeiro, Recife, Fortaleza, Salvador, Brasília, Curitiba, Porto Alegre e Belo Horizonte.

No que diz respeito às rotas mais procuradas, a cidade de São Paulo registra liderança de origem tanto para viagens domésticas quanto internacionais. A capital paulista é ponto de partida de 328.841 pesquisas para rotas nacionais e de 173.804 pesquisas para rotas internacionais.

Por fim, os dados coletados pelo Voopter Data mostraram que, embora a antecedência em pesquisas por passagens internacionais seja maior do que por viagens domésticas, foi notado um aumento nas buscas de última hora para os períodos de férias escolares, para destinos nacionais e internacionais, ante o mesmo período do ano passado.

Outros Posts

Site ajuda viajantes a encontrarem eventos pelo mundo

A StubHub, plataforma de intercâmbio de ingressos, lançou uma nova ferramenta para ajudar os viajantes a encontrarem e reservarem ingressos para os principais eventos esportivos e musicais, ao redor do mundo: o guia de eventos “17 em 2017”.

São 17 eventos imperdíveis para os “eventureiros”, que não só buscam experiências únicas aonde quer que estejam, como também escolhem seus destinos de viagem já imaginando os eventos que entrarão no roteiro. Esse fenômeno já é uma tendência entre os viajantes e o Brasil está entre os dez países que compram mais eventos em outros países, de acordo com dados da StubHub.

De acordo com o número de ingressos vendidos para brasileiros na StubHub entre janeiro de 2015 e julho de 2017, os países nos quais os brasileiros mais visitaram para ir em eventos ao vivo são:

Espanha
Reino Unido
Itália
França
Alemanha
Argentina
Chile
Portugal
México
Uruguai

“Na StubHub, percebemos que os brasileiros têm uma incrível paixão por viajar, especialmente quando eles podem criar boas memórias ao participar de alguns dos eventos mais populares do mundo”, diz Ricardo Noryo, gerente geral da StubHub para América Latina. “A StubHub existe para conectar os brasileiros com os artistas e atletas que eles querem ver, não importando em que lugar do mundo estarão. ”

A plataforma “17 em 2017” lista diversas atrações ao redor do mundo, selecionadas especialmente para o público brasileiro, conforme o perfil do viajante. Após informar o seu país de origem e o estilo de atração do seu interesse, se abre um mapa-múndi com as principais atrações em diversos países, considerados os principais destinos procurados pelos viajantes do Brasil – são eles: Estados Unidos, México, Colômbia, Peru, Chile, Argentina, Uruguai, Suécia, Alemanha, Holanda, Rússia, França, Reino Unido, Espanha, Portugal, Itália, Turquia, Japão e Austrália.

Para quem gosta de música, são recomendados alguns dos principais festivais do mundo, como: O Wacken Open Air, na Alemanha, que será realizado entre 3 e 5 de agosto, é um dos principais eventos de hard rock e metal, gêneros nos quais o brasileiro é a nacionalidade que compra o maior volume de ingressos pelo StubHub.

Para os fãs de esportes, uma das possibilidades é o confronto entre Barcelona e Real Madrid pela Supercopa da Espanha, que ocorrerá nos dias 12 de agosto, no Estádio Camp Nou, localizado na cidade catalã, e no dia 15 de agosto no Estádio Santiago Bernabéu, na capital espanhola. O confronto colocará frente a frente os donos dos últimos nove títulos de Melhor Jogador do Mundo, Lionel Messi e Cristiano Ronaldo, além de toda a história da maior rivalidade do futebol espanhol. Entre 2017 e 2016, o número de brasileiros que compraram ingressos para o El Clásico, como é conhecida a partida, aumentou em 130%.
Os números também mostram uma preferência dos brasileiros pelo Barça, já que entre 2014 e 2016 a quantidade de ingressos comprados para partidas no Camp Nou foi 110% maior do que o número de ingressos para jogos no Santiago Bernabéu.

Enquanto o Brasil se destaca entre os turistas que mais consomem eventos quanto estão viajando ao exterior, o país também está entre os destinos procurados por estrangeiros em busca de atrações. Nesse ranking, o país é o sexto colocado, atrás dos Estados Unidos, Reino Unido, Espanha, França e Itália, respectivamente. Para eles, os principais eventos brasileiros recomendados pela plataforma são: Rock in Rio e o São Paulo Trip, festivais de música que acontecem no Rio de Janeiro e em São Paulo, respectivamente, no mês de setembro.

Outros Posts

Como a tecnologia pode ajudar na hora de preparar uma viagem

Programar uma viagem não é tão simples e é preciso planejamento. Caso a viagem seja para o exterior, é preciso encontrar a casa de câmbio com os melhores preços de moedas e com uma localização boa; encontrar hospedagem com diárias que cabem no bolso também não é tarefa fácil. Por isso, a tecnologia veio para otimizar o tempo e facilitar a vida de todos os viajantes. Confira algumas plataformas on-line e apps que simplificam todo o processo pré-viagem:

BeeCâmbio

Para quem vai viajar para outros países, esqueça os deslocamentos até as tradicionais casas de câmbio. Com a BeeCâmbio, é possível comprar e trocar de moedas de forma delivery e 100% segura. O contato pode ser realizado por meio de diversos apps como WhatsApp, Telegram, Skype, e por e-mail e telefone. A BeeCâmbio está presente em 40 cidades de todo o Brasil.

Airbnb

O Airbnb permite que o cliente busque e reserve acomodações em mais de 35 mil cidades em 192 países. É possível escolher a localização, comparar preços, falar com o hospedeiro e pagar tudo pela plataforma sem sair de casa. Para muitos viajantes, ficar em casas de pessoas locais é muito mais vantajoso do que em hotéis, por exemplo.

Triplt

Não tem tempo ou não sabe como montar o roteiro da sua viagem? O Triplt é a solução. O trabalho é apenas encaminhar os e-mails de confirmação do hotel e da passagem aérea que o app acessa sua caixa de e-mail e cria um itinerário simples com mapas. A infos podem ser acessadas mesmo sem conexão com a internet.

Trip Advisor

Um dos mais antigos no ramo de viagens, o TripAdvisor reúne dicas, roteiros, hotéis, restaurantes e passeios em qualquer lugar do mundo. Os usuários ainda podem analisar as avaliações feitas por turistas que já passaram pelos locais. O App também ajuda na hora de elaborar um roteiro de férias.

Outros Posts