Viracopos registra crescimento no movimento de cargas e passageiros

 

O Aeroporto Internacional de Viracopos mostrou recuperação no volume de cargas e número de passageiros em janeiro de 2017. Exportações e Importações cresceram 55,93% e 33,47% respectivamente se comparado com o período anterior. O número de passageiros cresceu 0,056%, revertendo a sequência de quedas que se repetiam há 12 meses.

O principal destaque fica para a exportação. Foram 4.412 toneladas contra 2.829 em janeiro de 2015, que é o maior volume para o mês desde 2013 (5.140 ton.). Já as importações cresceram de 7.011 toneladas para 9.358.

“O mercado confia na capacidade cargueira de Viracopos e investimos constantemente em tecnologia, segurança e relacionamento. O aeroporto se consolida cada vez mais como o melhor Terminal de Cargas da América Latina e isso se reflete nos números. Acreditamos em um cenário de recuperação em 2017”, destaca o diretor-presidente de Viracopos, Gustavo Müssnich.

Passageiros

Viracopos transportou 903.490 passageiros em janeiro, contra 902.979 no mesmo período do ano passado. O número indica uma reversão na tendência de queda registrada em doze meses seguidos.

“Chegamos ao ponto de inflexão da curva. Nos últimos meses de 2016 já apresentávamos quedas menores e em janeiro registramos o primeiro crescimento. Acreditamos que o ritmo de melhora deve aumentar fazendo com que Viracopos feche 2017 com números bem mais positivos em relação ao anterior”, ressaltou o diretor-presidente.

Melhor Aeroporto de Cargas da América Latina

Viracopos foi eleito o melhor aeroporto de carga da América Latina no Air Cargo Excellence Awards 2016. A premiação é realizada pela Air Cargo World, uma das principais publicações do setor, em parceria com a IATA (Associação Internacional de Transportes Aéreos, sigla em inglês).

O Teca de Viracopos é um dos mais importantes e movimentados do Brasil e é o maior em valor FOB de carga importada no país. Além de contar com uma ampla e moderna estrutura para movimentação, armazenamento e liberação de cargas, é responsável por movimentar quase 40% de toda carga aérea importada do país.

Eduardo Gregori

Sou jornalista, viajo profissionalmente e por prazer. Também sou cantor e DJ. I am a journalist and a profesional and leisure traveller. I also sing in weddings and DJ

Leia Também