Dubai para ver e comprar

Turismo de luxo? destino exótico? paraíso artificial? Bem, fala-se muito sobre Dubai, a mais internacional cidade dos Emirados Árabes, mas a verdade é que, apesar de ser uma cidade realmente feita de muito luxo e construída artificialmente sobre o deserto, Dubai vem ganhando seu charme e conquistando um lugar especial entre aqueles que gostam de viajar por puro prazer. E a cidade vem se especializando e apostando no turista, erguendo uma senhora infraestrutura hoteleira, além de atrações de tirar o fôlego. Isso sem falar na malha aérea. Se antes chegar aos emirados era quase uma missão impossível, cheia de escalas pelo mundo, hoje, os brasileiros podem voar direto desde São Paulo com a Emirates, uma das melhores companhias aéreas do mundo.

E o que Dubai tem de tão bom? O que melhor pode traduzir o espírito de prosperidade da cidade e do seu povo é a grandeza de suas construções. Tudo em Dubai é superlativo. O turista já sente este impacto ao desembarcar em um dos mais modernos e maiores aeroportos do mundo. E esse sentimento só vai crescer ao se deparar, por exemplo, com o Burj Al Arab, a edificação que se converteu no símbolo de Dubai para o mundo. O edifício fica bem no coração da cidade. Em formato de vela o Burj Al Arab parece alçar-se sobre o mar, pronto para navegar pelo Golfo Pérsico. Para quem visita o lugar uma dica: é um dos melhores lugares de Dubai para tomar chá e apreciar a paisagem. Quem se hospeda terá outras experiências, como infindáveis mimos, entre eles, toalhas úmidas, oferecidas em bandejas de prata. Um agrado para espantar o calor escaldante. Quer conhecer melhor o hotel mais luxuoso do mundo? Uma prévia está no site oficial de Dubai e o melhor, em português.

Burj Al Arab
Burj Al Arab

Dubai ostenta ainda mais no Downtown Dubai, centro financeiro da cidade e salpicado de edifícios icônicos, entre eles o Burj Khalifa, dono do título de arranha-céu mais alto do mundo. São 828 metros de altura e 163 andares. Lá em cima o turista pode observar a cidade no 124º piso. O Deck at The Top tem uma vista panorâmica de 360 graus, de onde se pode ver até as ilhas artificiais. Informação no site: www.burjkhalifa.ae/en/index.aspx

Mas se os pontos turísticos de Dubai já impressionam por si, a cidade tem muito mais a oferecer, principalmente ao brasileiro, turista que não volta para casa sem antes passar por uma loja. Dubai é um destino livre de impostos, o que deixa os preços bastante atrativos e a moeda local também tem uma ótima cotação em relação ao real. Atualmente, r$ 1,00 vale cerca de 1,03 dirham, a moeda unificada dos Emirados Árabes. Para quem gosta de shoppings, a cidade simplesmente tem o maior do mundo.

Burj Khalifa
Burj Khalifa

O Dubai Mall fica no complexo do Burj Khalifa e tem de tudo, de grandes marcas internacionais a locais. Se você é do tipo que gosta de comprar, reserve no mínimo uns três dias para percorrer parte do shopping. O bom é seu horário extendido, das 8h30 até a meia-noite. Informação em www.thedubaimall.com/en/Index.aspx. Além de lojas, o shopping também tem o maior aquário do mundo, o Dubai Aquarium, com 10 milhões de litros de água. Uma atração de tirar o fôlego.

Dubai Mall
Dubai Mall

Mas se você é do tipo que gosta de conhecer lugares pitorescos e levar pra casa objetos que só se encontram em mercados locais, Dubai é famosa por seus souks, uma versão dos nossos mercados municipais, só que mais completos, lugares onde se encontra de tudo, de especiarias a ouro. E o mais interessante para quem visita estes locais é a pechincha. Difícil encontrar preços nas vitrines e para saber o valor da peça é preciso perguntar ao atendente. Parece uma brincadeira, mas se você diz que está caro, o lojista vai baixando preço e você responde se ainda está caro, até chegar a um valor que você considere razoável. Nessa espécie de jogo, sempre há boas oportunidades de comprar pagando pouco.

Um dos souks de Dubai
Um dos souks de Dubai

Então, para quem torce o nariz para a artificialidade de Dubai, a boa notícia é que a cidade vem se molando para cada dia acolher melhor e mais calorosamente seu turista. Sem dúvida, quem visita o destino, vai querer voltar um dia.

 

 

Eduardo Gregori

Sou jornalista, viajo profissionalmente e por prazer. Também sou cantor e DJ. I am a journalist and a profesional and leisure traveller. I also sing in weddings and DJ

Leia Também